sábado, 2 de julho de 2016

[NO PAÍS DOS SONHOS] SOBRE DIÁLOGO MUSICAL ÍNDIA - IBÉRIA

(ANOUSHKA SHANKAR E JAVIER LIMÓN NO FESTIVAL DE GIRONA) 

Antes, chamava-se alma, espírito, paixões, coração... hoje gostamos de usar termos científicos: neurónios, córtex, pulsão...

Mas eu prefiro a doce, sábia sabedoria das avós...
às desenfreadas volúveis volúpias intelectuais, tão sós.

Queremos ser engenheiros dos nossos sonhos, então... sejamos até ao fim, vivendo o sonho sem pecado, nem perdão;

Pois viver é sofrer, mas sem sofrer, amar não podes ... e sem amar, não vale a pena viver, como tu muito bem sabes.




Lisboa, Jardim Gulbenkian, 2016, 3 de Julho